sexta-feira, 1 de maio de 2015

Artigos Relacionados × +

Filmes pra uma vida

Viver é, para mim, a coisa mais bela e dolorosa que há. E dentro da vida estão todas as outras coisas belas, que, somente vivos, podemos apreciar. O que a morte nos reserva eu não sei, mas a simples ideia de “parar de produzir historia” me atormenta. Não que o nada fosse trazer dor há alguém se esse nem mais existiria para sentir dor. Eu sigo então a minha vida com alguns lemas que formam minha senda, meu caminho estreito. Ajudo ao próximo, faço caridade, ensino as crianças coisas sobre o céu, a terra a água e o ar. No campo dos lazeres e prazeres tenho paixão por livros, filmes, teatro e jogos. São distrações que já fazem parte do meu ser.



Hoje vim trazer pra vocês alguns dos filmes que me marcaram seja pelo enredo ou pelo momento em que foram inseridos em minha vida. Sendo eu tão reflexivo até coisas aparentemente banais podem ganhar um novo sentido na minha visão. Assim, deixo uma pergunta que pode parecer não ter nada a ver com a postagem, mas tem tudo a ver com o “tudo” que me move: pode um ogro cultivar um rosa?
Na minha seleção de filmes vocês vão encontrar alguns clássicos muito falados, outros nem tão conhecidos, alguns didáticos demais e outros meramente fantasiosos ou engraçados. Então vamos nessa:



A Máscara da Ilusão: Esse filme tem TUDO a ver com o universo que eu já havia criado para um livro que estou montando. Quando assisti o filme tive aquela sensação de que alguém tinha roubado minhas memórias. No filme a protagonista transita entre nosso mundo e o mundo do espelho, naquele lugar fantástico as pessoas não apresentam seus rostos, mas sim mascaras. A trama é muito bem elaborada e totalmente fantástica, uma rainha de sombras e outras de luz governam em equilíbrio os seres mais fantásticos. A fuga da filha da rinha de sombras desencadeará uma série de eventos catastróficos, já esperados de uma mãe que anseia ter sua filha de volta. A historia da protagonista, que pertence ao nosso mundo, se cruza com a dos seres do espelho quando ela é confundida com a filha da rainha das sombras. É um filho que vale a pena ver.

Esses aqui vou citar juntos, pois formam minha távola redonda da magia e encanto. Não os classifico como um sendo melhor do que o outro, tal pouco mais ou menos encantador. Ocupam um espaço todo especial dentro do meu ser e juntos constroem meus sonhos e desejos secretos. Sou amante declarado da literatura e cinema fantásticos. Eis que são: O Senhor dos Anéis, O Hobbit, As Crônicas de Nárnia, Harry Potter, As Crônicas de Spiderwitck, O Labirinto do Fauno, A Bússola de Ouro, Star Wars e O Segredo do Vale da Lua. Essas historias/filmes contem universos completos e seres mágicos de todas as ordens. De elfos à dragões, de centauros à duendes. A magia me fascina totalmente.

Hoje que quero Volta Sozinho, um titulo grande para um grande filme. Com um toque de singela pureza o filme desconstruiu todos os meus poemas de amor e me vez duvidar de ter em algum momento da vida amado romanticamente alguém. Vemos no filme a descoberta mais inocente do amor, alguns conflitos adolescentes e toda a magia de um amor que vence e segue de cabeça erguida. Vamos um trio de ouro: um menino cego e sua melhor amiga e um cacheado recém-chegado que faz a historia acontecer. Mais detalhes só assistindo o filme. Ah, já falei dele antes, podem conferir clicando aqui. 

Vermes Malditos não é um filme de magia, de encantos. Nele tudo gira em torno de gigantescos vermes-monstros que surgem de debaixo da terra devorando as pessoas. As pessoas devem apenas tentar sobreviver a esses monstros que sentem quando elas pisam no chão e assim emergem para leva-las inevitavelmente a morte. Mas o que tem de tão importante nesse filme? É que quando eu era um pequenino eu brincava de pular de um móvel para o outro sem tocar no chão, porque se o fizesse os monstros poderiam me devorar. Coisas de criança que valem uma infância, a parte ruim é quando eu tinha pesadelos com eles.

Vou juntar esses também: Nunca fui Beijada, De repente Trinta, Como se fosse a Primeira Vez, 10 coisas que eu odeio em você. Romances bonitos, personagens encantadores, mulheres fascinantes, emoções a flor da pele. São filmes que eu já vi e revi tantas vezes e veria todos de novo. Fui cúmplices de muitos desses personagens, torci por eles, chorei por eles, sonhei com eles. Tem a leveza do humor e a beleza do amor.

Jurassic Park é provavelmente o filme que eu assisti mais vezes em toda minha vida. Amo dinossauros em filmes, games, exposições e tudo mais. Caramba, preciso de uma camisa escrito “eu <3 dinossauros”. A ideia de tirar DNA de mosquitos congelados em âmbar me é bem curiosa, embora eu NADA saiba sobre as possibilidades.

Vou encerrar com um agrupamento mais sucinto:

No grupo “todos os filmes de ator/diretor...” eu coloco: Nicolas Cage, Tim Burton, Johnny Depp, Nicole Kidman, Robin Williams e Helena Bonham Carter .

Todos os filmes de X-men. O Universo deles é perfeito e me acompanha desde criança. Os personagens tem vida, historia sonhos, alegrias e tristezas. Além disso, x-men dá toda uma aula sobre tolerância, respeito, diversidade e preconceito, que só quem não quer não percebe.

Um filme feito de poesia e positividade: O Pequeno Príncipe. 

Filme fofo: Onde Vivem os Monstros.

Magic Mike, na lista dos “filmes para não ver com a família na sala”.

Filmes sobrenataruais: O Sexto Sentido e Constantine.

Filme com elementos de pura perfeição: O Quinto Elemento.

Dublê de Anjo, como “filme bonito e fofo para chorar feito criança”.

Filme que é um tapa na cara da sociedade conservadora e medíocre: Orações para Bobby.

Filme que me fez querer arrancar a própria pele e sair correndo até cair e rolar em posição fetal me debulhando em lágrimas: 12 Anos de Escravidão.

Em “filme que eu achei que não ia gostar, mas é muito bom”: O lado bom da vida e O Doador de memórias.

Filme que eu me recusei a assistir todo e me levantei do cinema e fui embora de tão ruim que era: Tarzan (aquela animação RIDÍCULA, com a floresta cheia de monstros/animais bizarros e onde a macaca-mãe to Tarzan morre).

Do grupo filmes para nunca assistir: qualquer coisa de Quentin Tarantino.

MUITOS filmes não estão na postagem, mas são ultra-especiais na minha vida. O problema é que se eu fosse falar de TODOS mesmo eu seria a unica pessoa a ler a postagem até o fim.

Você irá gostar

Filmes pra uma vida
4/ 5
Oleh

16 comentários

Escrever comentários
avatar
1 de maio de 2015 17:59

Adorei seu post e não tem nem como falar todos os filmes que eu amo, porque são muitos. Concordo com basicamente todos com você. Essa magia que consegue nos passar pela telona, é a minha segunda coisa preferida, o primeiro é os livros é claro!
O pequeno príncipe é lindo de qualquer forma ahaha
beijos
cheireiumlivro.blogspot.com.br

Responder
avatar
1 de maio de 2015 18:58

Achei esse blog por aqui nas minhas "coisinhas" e me interessei pela postagem, realmente os filmes são mágicos , além de transmitirem uma censsasão tão grande! Parabéns pelo blog!
http://mylittlerworldma.blogspot.com/

Responder
avatar
1 de maio de 2015 19:32

Olá, augusto. Acrescentaria outros filmes a sua lista, que é bem parecida com a minha, mas possivelmente ficaria grande demais. Seu post foi na medida e em muito me representou. Seu blog sempre acolhedor e jeito de afetividade.
Sim, eu vi todos esses filmes e eles têm ligações afetivas com o meu passado, alguns são geniais, outros, nem tanto, mas todos fazem parte de uma época gostosa e inesquecível.
http://www.poesianaalma.com.br/

Responder
avatar
1 de maio de 2015 20:22

Lista ótima! Tiraria poucas título da sua lista para acrescentar outro. Mas devo dizer que os títulos que eu acrescentaria, tem a ver com os momentos que os filmes entraram na minha vida, justamente como você falou.

Mas qual o problema com Quentin Tarantino?
Bastardos Inglórios eu coloco na minha lista. O que dizer do vilão Hans Landa?! É um dos meu preferido.

Beijos!

Responder
avatar
2 de maio de 2015 05:23

olá,

Adorei o post, porque foi um post muito diferente e por isso achei bastante interessante... Parabéns, eu tenho tantos filmes favoritos que iam ocupar o blog todo rsrs, mas gostei muito :)

Responder
avatar
2 de maio de 2015 16:32

Olaaa
Adorei as escolhas, sao muitos filmes legais e eu tenho vários que adoro, ficaria falando ate amanha, hahha adorei o post.

Reality of Books
Beijos

Responder
avatar
3 de maio de 2015 00:15

Adorei.
Eu tambem ja assisti varias vezes Jurassic Park, voce ficou sabendo que vão lançar um esse ano, a continuação, Jurassic World, estou ansiosa para o lançamento.

Responder
avatar
3 de maio de 2015 16:39

Uma nela lista" ! Sou apaixonada por tudo que envolve magia Tb Augusto e assisti a quase todos os filmes dessa lista, adorei o post, muito nem montado,
Abraços

Responder
avatar
3 de maio de 2015 17:42

Olá!
Se eu fizesse uma lista, provavelmente a maioria dos que tu citou estariam nela hehehe
Gostei das tuas escolhas, poucas delas eu não sou fã, mas também não odeio :P

bjs

Responder
avatar
4 de maio de 2015 15:34

Oi, tudo bem?
Acredita que eu não sou muito fã de filmes? Dificilmente vejo um e ainda não vi esse A Máscara da Ilusão, mas vi outro blog comentando sobre ele e já tinha ficado interessada, mas agora lendo seu post fiquei mais ainda, parece ser realmente um filme bem interessante. Hp é um filme que eu tenho curiosidade de ver, mas acredita que até hoje não vi também? Pois é, mas um dia irei kkkk

Beijos :*
Larissa - http://srtabookaholic.blogspot.com

Responder
avatar
4 de maio de 2015 18:35

Oi Augusto, tudo bem?
A maioria dos filmes citados não assisti, mas alguns amo como As Crônicas de Nárnia, De repente 30, 10 Coisas que eu Odeio em Você.
Como sempre oi uma excelente postagem.
Bjs

A. Libri

Responder
avatar
5 de maio de 2015 17:25

Oi Augusto,
Mas que post mais lindo... você escreve muito bem, parabéns.
Eu sou uma pessoa completamente apaixonada por filmes, exatamente como eu sou pela leitura. Então quase todo dia estou vendo um filme por ai, seja ele novo ou repetido.
Adorei o seu post, a sua lista e posso dizer que a maioria deles eu já assisti e estaria na minha lista também

beijos
Mayara
Livros & Tal

Responder
avatar
7 de maio de 2015 14:59

Oi,. tudo bem?
Deu para perceber que você é bem viciada em filmes, rs. Eu também adoro filmes, mas já fui mais atualizada, kkkkk.
Nos filmes que marcaram minha vida, com certeza também entra os maravilhosa Harry Potter, O Senhor dos anéis, Nárnia e Star Wars. Jurassic park também marcou minha infância, mas acho que o filme que vi mais vezes na vida foi Dirty Dancing :)
beijos
http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

Responder
avatar
8 de maio de 2015 13:20

Oi oi, como vai???
Quantos filmes maravilhosos <3
Se fosse para eu citar os filmes da minha vida eu juro que não conseguiria. São tantos que tenho certeza que esqueceria algum.
Mas concordo muito com você e suas escolhas, conheço a maioria dos que citou e os que não conheço vou procurar.
Depois dos livros filmes são a melhor forma de distração!
Beijão,
http://www.thousandlivestolive.com/

Responder
avatar
14 de maio de 2015 16:10

Poxa, que post mais lindo. Me fez reviver um pouco a minha infância. Confesso que senti faltas de alguns filmes como O Irmão Urso que marcou a minha vida. Mas 10 coisas que eu odeio em você, Harry Potter, realmente não tem como esquecer. Gostei bastante da sua seleção e com certeza já anotei alguns para eu assistir ou assisti novamente.
Beijos, sucesso.
http://inspiradaempalavras.blogspot.com.br

Responder
avatar
14 de maio de 2015 16:25

errei o link do blog www.inspiradaporpalavras.com.br

Responder